Fazemos envio para todo o País. Portes gratis para Portugal Continental em encomendas superiores a 50€! Em encomendas superiores a 29,99€ e inferiores a 50€ portes de 2,83€, em encomendas iguais ou inferiores a 29,99€ portes de 4,31€. Loja física na cidade do Montijo
Indutor 4,7uh
Indutor 4,7uh

Indutor 4,7uh

10 unidades em stock | SKU: LPM000374

0,26 €  
IVA incluído.

Adicionar à wishlist

Temperatura de trabalho: 20-80 ?

6 * 8

Indutores

Um indutor de 4,7µH (micro-henry) é um componente eletrónico utilizado em circuitos eletrónicos para armazenar energia na forma de campo magnético. É comumente utilizado em diversas aplicações, como filtragem, conversão de energia, circuitos de temporização e controle de corrente.

A indutância de 4,7µH indica a capacidade do indutor em se opor a variações na corrente elétrica. Quanto maior for a indutância, maior será a capacidade do indutor em armazenar energia em seu campo magnético.

O indutor de 4,7µH é projetado para suportar correntes específicas, geralmente especificadas pelo fabricante. É importante escolher um indutor com uma corrente nominal adequada para garantir um desempenho seguro e eficiente do circuito.

Normalmente, o indutor de 4,7µH possui um formato de bobina, onde um fio condutor é enrolado em torno de um núcleo magnético. O material do núcleo pode variar, como ferrite ou ferro, dependendo das características de indutância desejadas e das frequências de operação do circuito.

Ao utilizar um indutor de 4,7µH, é importante considerar as características específicas da aplicação, como frequência de operação, corrente máxima e espaço físico disponível no circuito. Também é necessário levar em conta os efeitos indutivos, como a autoindução e a interação com outros componentes circundantes.

Em resumo, o indutor de 4,7µH é um componente eletrónico utilizado em circuitos eletrónicos para armazenar energia na forma de campo magnético. Com sua indutância de 4,7µH, ele desempenha um papel importante em diversas aplicações, como filtragem, conversão de energia e controle de corrente. A seleção adequada do indutor, considerando a corrente nominal, a frequência de operação e outras características específicas da aplicação, é essencial para garantir um desempenho adequado do circuito.